28.4.14

Hoje, de manhãzinha


uma delicadeza
pousou no fio
(en)cantou o dia


Tushar Sunil Yadav

22.4.14

Beth Hart - "Over You"

Stefano Scodanibbio -Voyage Resumed-

Raros?


Raros? Teus preclaros amigos.

E tu mesmo, raro.

Se nas coisas que digo

Acreditares.

Hilda Hilst



Tricolor Phantom Fluorite on Barite
Quando as sombras avançam na 
estrada é preciso aldear.

__________Manoel de Barros





Cuidados



Teu amor, fina porcela,
no armário do peito guardado -
delicadezas.

TucaKors - 21.04.2014

Evis Bejo



Envelhecer



é como adolescer:
complicado e sofrido.
Depois passa.

TucaKors - 21.04.2014





Véu de neblina


Véu de neblina

A tarde se anuncia.
No ar, sinos de pedra.
Sigo o chamado do templo.

TucaKors - 21.04.2014



Anja Bührer

Dificuldade

"Desde que eu nasci ainda não me ambientei"
Michel Melamed



Paz



Manhã fresca de hortelã
Luz de abrir os olhos
Mãos de prece
Seguram uma xícara
De café
Quentinho

O que evola
É bom e
Atravessa a janela.

Adriane Garcia



Cemal Sepici


Haicai do sapo


sapo na grama-
brincadeira boa
a tarde toda

tucakors


Petra Rau



Leocádia, narradora do conto Bestera,em Cartas de um sedutor, que diz:
“Ah, como é delicioso e prático que as pessoas nos pensem estranhas… O conforto de não ser mais levado a sério, esse traquear de repente e sorrir como se não fosse com você, e poder acariciar um peixe morto na peixaria e chorar diante de um cão sarnento e faminto. É bom ser estranho e velho.”







21.4.14

Sila - Vaziyetler

O PENDURADO | SOFRIMENTO OPCIONAL



Nem sempre ele é opcional, sabemos todos. Mas evitar o exagero é conveniente neste começo de semana. Reclamações demais. Remédios demais. Preocupações demais. Achismos demais. Chatice demais. Dar um tempo ao próprio Tempo para que a vida entre nos eixos. Reler as mensagens antes de mandar. Esperar amadurar para saborear. Concluir no momento certo, não agora. Agora é hora de ver diferente. Não adianta muito acreditar que são os outros que nutrem problemas com tudo e todos. Convém também medir a destreza diante dos nós de cada dia.

Esquartejar algumas inseguranças neste feriado.
Comemorar coragem; jamais vitimização.

Bom dia, com muita força.

Texto: © Leo Chioda [ http://goo.gl/Qd70ao ]
Imagem: Connolly Tarot | US Games, 1990.

COMPARTILHE o arcano de hoje!
Café Tarot é o seu oráculo aqui no Facebook.
DEGUSTE O BLOG: www.cafetarot.com.br

 

Sendo quem sou, em nada me pareço.


Desloco-me no mundo, ando a passos
E tenho gestos e olhos convenientes.
Sendo quem sou
Não seria melhor ser diferente
E ter olhos a mais, visíveis, úmidos
Ser um pouco de anjo e de duende?
Cansam-me estas coisas que vos digo.
As paisagens em ti se multiplicam
E o sonho nasce e tece ardis tamanhos.
Cansam-me as esperanças renovadas
E o verso no meu peito repetido.
Cansa-me ser assim quem sou agora:
Planície, monte, treva, transparência.
Cansa-me o amor porque é centelha
E exige posse e pranto, sal e adeus.
Queres o verso ainda? Assim seja.
Mas viverás tua vida nesses breus.

 ExercíciosHilda Hilst

  Andy Paciorek


 

Mallu Magalhães - Velha e Louca

A mulher da sombrinha vermelha



Caminha na poça d'água
Molhados, mais
Que os pés

Pensa no homem do deserto
Decerto amante
De Sóis

É escura como a amurada
De um navio de troncos
De árvores com líquens.

(Adriane Garcia)



Finlândia

A Finlândia fala um terço menos que outros países da Europa.
É o país mais calado do mundo. Eu gostaria de ter nascido lá.
Ou então mudar hoje mesmo, de mala e cuia. Você topa?
Falaríamos somente o necessário. Nada de contar vantagem.
Nada de dizer eu, eu, eu. Se falar demais, você me dopa.


 Carlos Antônio Jordão




FEITICEIRAS



As feiticeiras voam
sem pressa em torno 
do coração amado

Revolvem e cicatrizam
cosem com estrelas e nó
dão um laço nas raízes

Convocam escolhos e sortes
os astros e os poemas
os negrumes e dilemas

Sem compaixão e sem dó
perseguem inquisidores
vão atrás dos exorcistas

Dos chicotes e água-benta
das correntes e vergastas
com que eles as martirizam

"Vá de retro bicho mau!"
Gritam na cobardia
de as terem à mercê

E as feiticeiras imaginam
apagar cada fogueira
onde eles as assassinam 

Teresa Horta
 M Tresa Cerveró 
Não quero um silêncio gasto, cheio de raivas engolidas, preciso de um um novo modelo, um silêncio feito só para mim, onde eu possa riscar, bater, abrir buracos para outros silêncios ainda não previstos, haverá algo assim? Quero um silêncio ainda em fase de teste, talvez uma Teoria do Silêncio, a grande mudez antes de inventarem a fala.
Carlos Antônio Jordão 


 Jill Forshee





Marcelo Camelo - Pra te acalmar

Visível ao coração

Bíblico? Mágico? Lendário? Com que se parece este pedacinho de mundo? Talvez seja igual [ou nos lembre] pequenos 'arquivos' do nosso coração, em dimensões menores. Ali dormem ícones que somente pertencem a nós. E não, não são destruídos por nenhum fator externo, como foram os Budas Gigantes - e a Pirâmide maia...Ainda bem. Sim, é um 'domínio' invisível para o mundo.

Eliana Mora, 17/5/13









O LOUCO | SER AQUILO QUE SE É



isso de querer
ser exatamente aquilo 
que a gente é 
ainda vai
nos levar além

O poema do genial Paulo Leminski ilustra muito bem a conduta do Arcano. Mas você tem se esforçado para aparentar ser menos do que exagera e ser mais do que carece. Não parou pra perceber que a dor e a delícia está justamente em ser quem você é? Defina-se pra melhor. Vá além! O sabor da vida depende da sua postura diante de cada abismo que ela lhe traz de presente.



Texto: Leo Chioda
Imagem: Gill Tarot | U.S. Games, 1991.

Gostou do presságio de hoje? COMPARTILHE!
Café Tarot é a maior página de Tarô do Facebook. 
VISITE O BLOG: cafetarot.com.br





Sobre a poesia

(...) A poesia não é uma expressão do ser do poeta. É uma expressão do não-ser do poeta. O que escrevo não é o que tenho; é o que me falta. Escrevo porque tenho sede e não tenho água. Sou pote. A poesia é água.O pote é um pedaço de não-ser cercado de argila por todos os lados
menos um. O pote é útil porque ele é um vazio que se pode carregar. Nesse vazio que não mata a sede. Poeta é pote. Poesia é água. Pote não se parece com água. Poeta não se parece com poesia. O pote contém a água. Poeta não se parece com poesia. O pote contém a água. No corpo do poeta estão as nascentes da poesia (...) [Rubem Alves, in: Cenas da Vida]




Little Feat Dixie Chicken

Paris

Paris também recebe os não românticos?
Se oui, acho que vou me mudar para lá

Lá não tem caçador de onça
nem gente que usa colar de dente de onça
e pulseira de unha de onça
Não tem comedor de macaco
Não tem índio desmatador
Será que também tem dor?

Tem bistrô, tem Senna
tem Torre Eiffel, tem sei lá o que, ulalá

Cansei dessa terra sem deus.
Vou colecionar foto de onça
antes que até isso entre em extinção

Hoje, São Paulo
Amanhã...Paris
Au revoir!
 
TucaKors
 
 
 



En la mañana verde


En la mañana verde, 
quería ser corazón. 
Corazón. 

Y en la tarde madura 
quería ser ruiseñor.
Ruiseñor.

(Alma,
ponte color de naranja.
Alma,
ponte color de amor)

En la mañana viva,
yo quería ser yo.
Corazón.

Y en la tarde caída
quería ser mi voz.
Ruiseñor.

¡Alma,
ponte color naranja!
¡Alma,
ponte color de amor! 


Cancionilla del Primer Beso, Federico García Lorca








memória



venho sempre à janela
decorar a paisagem
se um dia eu ficar cega
a escuridão terá árvores
e borboletas

*líria porto



João Leitão 
 
 
 
 

Lynyrd Skynyrd - If I'm Wrong

Sobre o vazio

A vida precisa do vazio:
A lagarta dorme num vazio chamado casulo até se transformar em borboleta.
A música precisa de um vazio chamado silêncio para ser ouvida.
Um poema precisa do vazio da folha de papel em branco para ser escrito.
E as pessoas, para serem belas e amadas, precisam ter um vazio dentro delas.
A maioria acha o contrário, pensa que o bom é ser cheio.
Essas são as pessoas que se acham cheias de verdades e sabedoria e falam sem parar. São umas chatas quando não são autoritárias.
Bonitas são as pessoas que falam pouco e sabem escutar.
A essas pessoas é fácil amar. Elas estão cheias de vazio.
E é no vazio da distância que vive a saudade...
Rubem Alves
 
Arvid Kozlovsky
 
 
 

Birdie - Abel Korzeniowski

Definitivo

"E lembro tão bem que ainda que não tivesse sido ontem, continuaria sendo ontem na memória."

— Caio Fernando Abreu

20.4.14

Hálito



Joan Brossa - (1919 - 1998)

Passo a régua,
a caixa de compassos
e começo a riscar
e desenhar.

Passa um pássaro e o poema acaba.

Ascension, Nabil Anani




Katie Melua - Love Is A Silent Thief

Louise Rawlings - UK










JUN MIYAKE-CA FAIT LONGTEMPS

Wildebeest from Birdbox Studio

Eu sou o poeta

Eu sou o poeta do corpo, e o poeta da alma, os prazeres do Céu estão em mim, e as dores do Inferno também estão em mim! 
O primeiro, eu cultivo e alimento em mim mesmo; O segundo, eu traduzo para uma nova linguagem: Eu creio que uma folha de grama não é inferior à grande jornada das estrelas, e que a formiga é igualmente perfeita. O grão de areia, o ovo de passarinho e a árvore, são obras primas do Altíssimo, e a fruta silvestre rasteira adornaria os salões dos Céus, e a menor articulação da minha mão envergonharia a mais perfeita máquina. A vaca, ruminando com a cabeça pendida, supera qualquer estátua. E, um rato é milagre suficiente para tontear sextilhões de infiéis".
"Eu fiz uma só obra, e todos vós estais por isso maravilhados...

Walt Whitman




Jean Jacques Quenel



Ventania




Ventania


Bom dia!

disseram as rosas 
descabeladas.


TucaKors




Mama

Mama.
Eu quero ser de prata.

Filho,
Terás muito frio.

Mama.
Eu quero ser de água.

Filho,
Terás muito frio.

Mama.
Borda-me em teu travesseiro.

Federico García Lorca


foto by Chema Madoz



...minha lâmpada para o escuro, retrato dos meus olhos, mar de setembro, meu amor.
Antônio Lobo Antunes



Páscoa



Ovo
Guarda em si
Clara vida, renovação e mistério.

TucaKors



19.4.14

Una lunga storia d'amore - Gino Paoli

O cavalo no vale.


O cavalo no vale.
E mais além
O meu olhar mais verde do que o vale
E claro de esperança
E querer bem.
O vento no capim.
O vermelho cansado deste outono.
Os reseirais em mim.
E tudo me parece
Tão tranqüilo e leve.
E com muito cuidado
Como quem tem na mão a flor e o quadro
Espero que a paisagem desta tarde
Adormeça
O cavalo no vale
O vento no capim
Os roseirais em mim.

Hilda Hilst



Sempre Clarice

"Faço grande esforço para não ter o pior dos sentimentos: o de que nada vale nada. E até o prazer é desimportante. Portanto me ocupo de coisas".
Clarice Lispector, "Um sopro de vida"




Quem és tu





Quem és tu que assim vens pela noite adiante,
Pisando o luar branco dos caminhos,
Sob o rumor das folhas inspiradas?

A perfeição nasce do eco dos teus passos,
E a tua presença acorda a plenitude
A que as coisas tinham sido destinadas.

A história da noite é o gesto dos teus braços,
O ardor do vento a tua juventude,
E o teu andar é a beleza das estradas.



SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDRESEN

Tempo



Tempo
Tempo sem amor e sem demora
Que de mim me despe pelos caminhos fora


SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDRESEN





É tempo de reler Clarice. Com cuidados.

.. uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inclusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para a frente. Foi o apesar de que me deu uma angústia que insatisfeita foi a criadora de minha própria vida. Clarice Lispector, Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres (1969)